Inktober 2017 – parte 2

Continuando com meu inktober!

Um pouco de preguiça mas sem perder os dias e sem pular arte. Comecei a pintar os desenhos com as canetas marker permanentes. Aprendi a usar essas canetas na faculdade, de um jeito bem específico, mas ainda sinto que preciso aprender mais sobre elas. Como eu só queria dar uma corzinha pros desenhos, elas caíram bem. Uso canetas da windsor & newton (novas, compradas esse ano), prismacolor e promarker, pois são ainda as que comprei em 2013 (e sim, duram bem). Gostaria de ter algumas outras marcas como Copic e posca.

Considero uma vitória pessoal eu ainda não ter saído do tema em que me propus a fazer. Não saí do tema e nem dos desenhos fofos, ainda que em alguns dias eu acabe desenhando pessoas de novo para tirar o excesso de fofura. Espero no fim do mês filmar como ficou meu sketchbook depois desse mês cheio de fofurice e experiências.

Inktober dia 11: Das coisas que gosto: Conversar

Conversar

Eu falo em tempo integral. Reza a lenda que falo no sono. Com a mudança de país, eu continuo falando, só que agora através de uma telinha de celular. Sou aloka das chamadas de vídeo agora. E eu adoro falar com as pessoas. Passo horas falando, principalmente com mamy.

Inktober dia 12: Das coisas que gosto: Doces

Doces

Que eu seja viciada em doces, todo mundo sabe. Mas eu realmente gosto e sinceramente não me importo se vai me engordar ou não. Sou feliz comendo doces e gosto assim. Não fico mais do que alguns dias sem bolo. Sorte a minha que caí na Holanda, um país onde o café da manhã é pão com nutella e chocolate granulado, acompanhado de stroopwafel de caramelo. Ou torta de maçã. Ou bolo. Sério, tem doce aqui o tempo todo.

Inktober dia 13: Das coisas que gosto: Chá

Chá

É um gosto recente, mas sempre gostei de chás. Agora meu paladar está mais limpo e consigo sentir mais sabores, gosto muito mais de chás. Gosto de sabores fortes e adocicados, então é uma aventura comprar vários sabores diferentes para ter sempre algo que combina com o dia. Até agora meu favorito é o Golden Chai, chá preto com especiarias.

Inktober dia 14: Das coisas que gosto: Banho na banheira

Banho na banheira

Daqueles bem longos, quentinhos e sem pressa. Ainda não tenho uma banheira no apartamento para chamar de minha, mas espero um dia morar em um lugar com banheira só para ter esses momentos.

Inktober dia 15: Das coisas que gosto: Mistura de técnicas

Misturas

Uma mistura diferente para esse tema, quis misturar tattoos e os desenhos fofos. Eu, por não ter uma técnica única de desenho, sempre faço misturas e isso resulta em ilustrações bem diferentes. Gosto muito de tentar novas misturas, seja no próprio desenho ou na pintura.

Inktober dia 16: Das coisas que gosto: Cuidar dos cabelinhos

Cuidar dos cabelinhos

Esse é interessante, ja que eu possuo uma relação de amor e ódio com meu cabelo. Dos 12 aos 25 anos eu tive cabelo alisado, das mais variadas tecnicas e fórmulas de cada época. Ao mesmo tempo, sou apaixonada por pintar o cabelo. Então as químicas as vezes não se dão bem. Entre cabelo fácil de domar só que desbotado e rebelde com cor linda e brilhosa, este último acabou vencendo. Demorei meses para aceitar o cabelo cacheado e aprender a lidar com ele. Então, cuidar do cabelinho é uma das coisas que gosto, mas só porque eu aprendi a lidar com ele.

Inktober dia 17: Das coisas que gosto: Assistir

Assistir

Eu assisto muitas coisas. Séries, filmes, netflix, youtube, histories do Instagram, vídeos do facebook. Sigo youtubers que eu gosto do conteúdo e intercalo com uma série ou outra e filmes nos momentos descontraídos. Gosto muito de assistir e me divertir. E memes em vídeo são meus favoritos.

Inktober dia 18: Das coisas que gosto: Jogar

Jogar

Quem me ensinou a jogar foi meu irmão, quando eu tinha uns 3 anos de idade e ele percebeu que apertar os botões me encantava. Sempre dividimos os videogames que fomos tendo ao longo dos anos. Ele é mais jogos de esportes e carros, eu sou dos rpgs e fps. E sempre tivemos uma ótima relação, ficando juntos vendo um jogar. A época que mais rimos assim foi quando compramos o xbox360 e jogávamos muito, mas muito mesmo. E eu jogo sem parar até hoje.

Inktober dia 19: Das coisas que gosto: Fazer compras

Fazer compras

Eu gosto de fazer compras. Não necessariamente compras de roupas, gosto até de ir no mercado comprar os vegetais para cozinhar. Eu gosto do simples fato de sair para comprar algo que precisa. Não importa onde é. Fazer umas comprinhas sempre faz bem.

Inktober dia 20: Das coisas que gosto: Escrever

Escrever

Sempre tive o hábito da escrita. Quando eu tinha uns 17 anos, queria ser escritora. Antes disso, ja escrevia fanfics. Em cadernos. E compartilhava com as amigas para elas lerem e ajudarem a escrever. Já sonhei em publicar um livro e já gastei muitas páginas escrevendo esse livro, que nunca saiu dos papéis mesmo. Ainda crio histórias, mas não as escrevo mais no papel, ficam dentro da gaveta imaginária cheia de ideias. Mas sempre escrevi. Durante a faculdade, éramos incentivados a escrever sobre nossas preferências, gostos, desgostos, alegrias. Assim, é mais fácil identificar o que é o nosso bonito (afinal, cada um tem o seu). Ainda escrevo e ainda quero escrever.

O inktober continua em um post próximo, com os dias 21 a 31, acabando assim a série dos desenhos fofos com o tema “Das coisas que gosto”. Até a próxima!

Save

Save

Save

Leave a Reply